19 fevereiro 2010

A dureza do Inverno


Eis o Inverno e a difícil procura de alimento.

Os dias frios sucedem-se e com eles a queda de neve nas serras do Norte e Centro de Portugal. Nas terras altas a paisagem adquire contornos de grande beleza contudo, para a maioria da fauna Ibérica, são dias difíceis na luta pela sobrevivência.
Olhando para a paisagem acima transparece uma sensação de tranquilidade. Contudo observando mais de perto encontram-se diferentes pegadas na neve que denunciam a actividade de vários animais. Isso mesmo é confirmado pela imagem da Raposa (Vulpes vulpes), obtida por armadilhagem fotográfica, retrato paradigmático da dura busca por alimento. Primavera, não tardes...

5 comentários:

Anónimo disse...

Mais uma vez parabéns pelo blog. Excelente retrato, ao longo dos últimos posts, da nossa fauna e alguma flora Ibérica durante este Inverno.

PS: Tendo em conta a manifestação recente que teve lugar em Braga, para quando lançará um post sobre a situação do povo Geresiano na luta pelos seus direitos e na atribuição dos seus deveres?
Com vista a esclarecer os leitores do blog e eu inclusive, penso que seria uma temática interessante, pois creio que sem diálogo, quem sofrerá outra vez, será o património natural do parque...

Melhores cumprimentos,
João Faria

Francisco disse...

até que enfim um novo post para matar saudades...

rui disse...

Parabens pelo blog, muito bom. Acho k conheço o local da primeira foto, lameiros que pertencem à aldeia de Failde, um belo lugar..

miguelbarbosa disse...

Boa noite Rui. Pois é, acertou em cheio no local que fotografei. Trata-se mesmo dos lameiros de Failde... Um abraço.

Frederico disse...

Muito bom!!!

Onde é foto da raposa?